Buscando o Reino de Deus - 12/02/2017

“Mas, buscai primeiro o reino de Deus e a sua justiça, e todas estas coisas (as coisas no contexto do texto que não dá pretexto pra cabresto) vos serão acrescentadas” (Mateus 6:33)

           Nessa passagem do Evangelho, Jesus nos encoraja a priorizar a busca dos valores espirituais que são eternos e alimentam nossa alma, porque os valores materiais serão supridos conforme nossas necessidades. "Buscai, em primeiro lugar, o Reino de Deus e a sua justiça, e todas essas necessidades vos serão dadas por acréscimo". Muitas vezes nos orientamos na busca dos bens materiais e essa atitude nos afasta dos desígnios traçados por Jesus, uma vez que esses dois caminhos são conflitantes. "Ninguém pode servir a dois senhores: pois, ou odiará um e amará o outro, ou será fiel a um e desprezará o outro. Vós não podeis servir a Deus e ao dinheiro".

            A obtenção dos bens materiais não depende apenas do nosso esforço individual, mas é uma dádiva divina. "Vosso Pai que está nos céus sabe que precisais de tudo isso". E esse suprimento das necessidades materiais é garantido a todos que seguem seus ensinamentos de amor a Deus e serviço ao próximo. "Por que ficais preocupados com a roupa? Olhai como crescem os lírios no campo: eles não trabalham nem fiam. Porém, eu vos digo: nem o rei Salomão, em toda sua glória, jamais se vestiu como um deles. Ora, se Deus veste assim a erva do campo, que hoje existe e amanhã é queimada no forno, não fará muito mais por vós, gente de pouca fé?

            Mas o que é buscar o Reino de Deus?  Creio que:

  1. Buscar o Reino de Deus é buscá-lo no coração dos homens, pois quando olhamos para dentro de nós podemos perceber quem está governando o nosso ser, ele não tem de ser buscado em outro lugar senão dentro da nossa interioridade e submissão a vontade do Nosso Rei.
  2. Buscar o Reino de Deus em mim não é uma tarefa de ansiedade mais uma tarefa de descanso. É um entregar, é  aceitar o cuidado amoroso e providencial de Deus por nós.
  3. Buscar o Reino de Deus é converter o coração, a confiança, ao amor e a misericórdia na certeza de filiação Divina.
  4. Buscar o Reino de Deus é a capacidade de reconhecer a minha incapacidade aceitando a capacidade de Deus.
  5. Buscar o Reino de Deus é buscar a justiça, o que é íntegro, o que é reto que não é fruto de legalismo, moralismo ou de fanfarrismo trombeteiro, mas de justiça discreta, mansa e não marketeira.
  6. Buscar o Reino de Deus é ter sensibilidade e coragem para assumir a identidade de bem-aventurado tendo como status o título de: “pobre de espírito, manso, aquele que chora, aquele que têm fome e sede de justiça, misericordioso, limpo de coração, pacificador, aquele que sofre perseguição por causa da justiça, aquele que é injuriado e caluniado” recebendo a promessa que não é transitória, mas eterna que diz: “ Exultai e alegrai-vos, porque é grande o vosso galardão nos céus; porque assim perseguiram os profetas que foram antes de vós” (Mateus 5:1-12)
  7. Buscar o Reino de Deus é buscar o Reino do Amor vertical que se traduz em amor horizontal.

            “Em verdade vos digo que, qualquer que não receber o reino de Deus como menino, de maneira nenhuma entrará nele” (Marcos 10:15)

            Sendo assim, deixemos nossas preocupações materiais em segundo plano na certeza que nossa fidelidade a Deus nos garantirá Sua providência e sigamos em buscar o Reino de Deus!

Mensagens dos Pastores

“Alegrai-vos sempre no Senhor; outra vez digo: alegrai-vos.” - Filipenses 4,4

Leia mais

 

“Está alguém entre vós sofrendo? Faça oração. Está alguém alegre? Cante louvores.” - Tiago 5,13
Leia mais